Zema suspende em todo o Estado a exigência do Documento de Licenciamento de Veículos durante pandemia da Covid-19

Redação - Cláudio Coutinho5 de julho de 20203min1
A nova regra será divulgada no site do Detran-MG nesta segunda-feira (6).

Os motoristas mineiros não serão obrigados a apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) 2020 quando forem abordados por agentes de segurança. A decisão é do governador Romeu Zema (Novo), que neste sábado (4) publicou decreto suspendendo a exigência do documento do ano.

Conforme o texto, a medida valerá enquanto durar o estado de calamidade pública, em decorrência da pandemia da Covid-19. “Para comprovação de propriedade de veículo automotor, enquanto vigorar a suspensão prevista no inciso III, será considerado o CRLV relativo ao exercício de 2019”, diz a lei.

Em nota, a Polícia Civil informou que, por se tratar de uma normativa recente, e que ainda passará por deliberação interna, a nova regra será divulgada no site do Detran-MG na próxima segunda-feira (6).

Serviços

Por causa da pandemia, a prestação de vários serviços foi interrompida no Estado. O Detran foi um dos órgãos afetados. Somente nesta semana, após três meses parado, o departamento retomou as provas de legislação no interior de Minas.

Até então, Belo Horizonte era a única cidade em que os testes estavam sendo aplicados. Na capital, a sede do Detran retomou as atividades presenciais no dia 25 de maio e as provas tiveram início de junho. O retorno das aulas em auto escolas ocorreu um pouco antes, no dia 21 de maio.

A relação dos serviços prestados pelo órgão que tiveram funcionamento alterado em razão da pandemia do coronavírus pode ser consultada no site do Detram-MG.

Documento digital

Desde dezembro do ano passado, os condutores mineiros não precisam mais carregar o documento do veículo quando estiverem no trânsito. A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) lançou a versão eletrônica do CRLV. Com a novidade, o documento pode ser acessado pelo celular por meio do mesmo aplicativo da Carteira Nacional de Trânsito (CNH).

Fonte: O Tempo

Redação - Cláudio Coutinho


    Um comentário

    • Levi Pereira

      5 de julho de 2020 at 17:02

      Eu estou passando muito apertado em relação a isso, ja que quando peguei o carro ainda era inesperiente em relação a documentação. quando paguei o novo documento e chegou, acabei rasgando o antigo e junto o recibo até então não tinha noção e nesse ano tive alguns problemas e acabei pegando emprestimo para pagar os documentos para andar certo, mas o Documento ja alguns meses depois não chegou, ouvi dizer que nem viria pois teria a versão digital, mas acontece que para tirar o digital preciso do numero de segurança do recibo do qual descobri a importancia nesse momento, e agora sem condições de retirar uma segunda via no momento, estou andando com medo sendo que sempre fui Honesto e sempre andei certo mas me sentindo um bandido por causa da falta de Responsabilidade do orgão para com os dependentes deles, ultimamente não tenho nem gosto de sair com o carro, saio com ele por que preciso usa-lo para trabalhar mas já perdi a conta de quantos dias perdi o sono preocupado com meu carro sendo recolhido ao patio, como eu iria fazer ja que como eu disse estou sem condições de retirar o documento imagina os outros encargos , que Deus abençõe o Zema se isso se tornar realidade

      Reply

    Deixa um Comentário

    Seu email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *